Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2014

Eu vou desdizer aquilo tudo que eu lhe disse antes...*

Quando me diziam que ter um filho muda tudo eu não tinha a menor idéia do que isso significava. Claro que eu imaginava que cuidar de uma criança demandava tempo e dedicação,  mas não imaginava o impacto subjetivo que ser mãe teria na minha vida. Sempre fui muito curiosa, gosto de ler e estudar e mesmo antes de estar grávida lia muito sobre o assunto. Conversava com outras mães e tinha um monte de idéia e coisas planejadas na minha cabeça. Ia amamentar exclusivamente,  se não rolasse daria mamadeira. Assim, sem stress. Aí o menino nasceu,  o leite não desceu e eu comecei a chorar copiosamente porque não queria deixá - lo com fome, mas também não queria dar mamadeira, pois o leite materno é o melhor alimento pro bebê. Eis o primeiro drama da maternidade: a realidade nem sempre corresponde à nossa expectativa. Mamou, engordou e tocamos a vida. Chegou a hora de planejar o retorno ao trabalho. Sempre valorizei trabalhar,  ter meu dinheiro... Ele ia ficar no berçário,  como vários outros bebês…